segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Projeto Arquétipos em ação IV Filemon e Baucis



Projeto Arquétipos em ação IV


Filemon e Baucis


Júpiter convidou seu filho Mercúrio para dar uma volta pelas cidades dos humanos e verificar a hospitalidade deles. Júpiter falou para Mercúrio deixar as asas no Olimpo, pois assim os humanos não perceberiam que eram deuses. Chegando numa grande casa bateram à porta, dizendo que eram viajantes e precisavam descansar. A resposta foi: “não perturbem, vão embora”. Júpiter já estava pensando em mandar uns raios naquela casa, mas Mercúrio falou para ter paciência. Bateram em outra casa, mas o dono disse que tinha uma festa e não poderiam entrar. Mas, mandou a empregada trazer um prato de comida. A empregada pegou uns restos dos convidados da festa e quando foi passar o prato pela fresta da porta derrubou metade no chão. Mercúrio nem ousava olhar o pai, que deu uma olhada na casa e foram andando. Já estava chegando a tarde com os dois exaustos e famintos. Bateram em outra casa e também foram expulsos de lá. Então viram uma choupana humilde e chegaram perto. Saiu um velho e falou para eles entrarem. Era Filemon casado com Baucis. Não tinham empregados nem filhos. Serviram tudo que tinham para os viajantes com alegria e bom humor. Tinham uma garrafa de vinho vazia e Júpiter encheu a garrafa com um leve toque. Filemon então percebeu que estava diante de Júpiter e seu filho. Júpiter falou que estavam satisfeitos com a refeição e para não se preocuparem. Em seguida falou para caminharem até uma montanha vizinha. Chegando lá perguntou para eles o que gostariam de ter. Os dois conversaram e disseram: “Queremos morrer ao mesmo tempo”. Em seguida um tremendo temporal desabou na região e levou todas as casas de roldão. Filemon ficou preocupado, pois sua casa também foi arrastada. No entanto, no lugar da casa agora havia um palácio e um templo. Júpiter disse: “A partir de hoje vocês cuidarão do palácio e do templo”. E foram embora. Os dois velhinhos viveram em fartura até longa idade. Um dia estando sentados Baucis falou: “Filemon, o que está acontecendo com suas pernas? ”. As pernas dos dois começaram a transformar-se em troncos e os dois tornaram-se duas maravilhosas árvores entrelaçadas totalmente.


Os dois deuses foram disfarçados entre os humanos para ver a reação destes. Neste ponto vale lembrar que todos os seres do universo têm uma Centelha Divina dentro de si. Qual seria o tratamento que receberiam se não aparentassem riqueza e poder? Os dois velhinhos que não tinham praticamente nada deram tudo para ajudar os viajantes. E quando foi perguntado o que queriam a resposta foi: queremos ficar juntos depois da morte. A recompensa foi imediata, ganharam um maravilhoso palácio, abundância e muitos anos de vida ainda. E quando chegou a hora transformaram-se em duas maravilhosas árvores unidas completamente. O Todo não se deixa vencer em generosidade.

Hélio Couto


Nenhum comentário:

Postar um comentário


Videos editados I


Ninguém está autorizado a editar meus vídeos e fazer montagens, cortes, adições ou qualquer outra manipulação com as imagens das palestras.

Somente com autorização por escrito alguém pode usar minhas imagens.

Isso já foi dito na palestra passada e já postei sobre isso.

Quem está fazendo isso está prejudicando o trabalho.

Existe uma estratégia de divulgação feita por mim e que está sendo seguida à risca.

Todos os vídeos editados por outras pessoas devem ser tirados de qualquer mídia em que estiverem.

Postagens populares

Marcadores