segunda-feira, 25 de julho de 2016

Prosperidade e Alquimia XII




Prosperidade e Alquimia XII

Mortificatio

Normalmente se tem uma lista de pré-requisitos a serem cumpridos para que a pessoa se ache feliz. Tudo que estamos detalhando nesta série é a fórmula para ser próspero e feliz em todas as áreas, independente de tempo e dimensão em que estejamos. Existe uma profunda sabedoria no conhecimento da Alquimia. Durante séculos esse conhecimento foi acumulado e testado. Foi fruto de muita análise e meditação. 

O que é mais importante na vida? Qual a prioridade máxima? Como é a lista de valores? Esta é a decisão mais importante que existe. Quando essas perguntas foram respondidas não existe mais dúvida sobre a validade da Mortificatio. 

Mortificatio acontece na maior parte das vezes depois que a pessoa teve contato com o mal. Por exemplo, quando a pessoa não acredita em magia negra e então vê-se alvo de uma. Isso é o que se chama “magia de redenção”. O sofrimento causado por qualquer magia negra também tem seu outro lado que é a conscientização de quem é alvo. A partir daí a pessoa passa a ter uma nova visão de mundo. A Mortificatio é essa nova visão de mundo.

O mal que está na sombra psicológica precisa ser dissolvido. Algumas vezes não basta a Calcinatio nem a Solutio. É preciso algo mais forte e impactante. Quando vamos a um velório estamos num procedimento de Mortificatio. A visão de uma pessoa morta tem um impacto poderoso em nosso interior para nos incentivar a destruir a sombra que existe em nós. Os resultados da Mortificatio podem ser evolução, redenção, renascimento, expansão da consciência e por incrível que pareça, alegria. O lado da sombra tem o potencial da luz dentro de si. A Luz brilha no escuro. O ego deve optar pela Luz. Quando o ego olha para si mesmo e percebe a sombra ele está pronto para escolher a Luz. É uma decisão consciente de opção pela Luz. Evidentemente que esta é uma batalha de tudo ou nada dentro do ego. Entre a Luz e as trevas. Por isso o nome Mortificatio. É uma batalha de vida ou morte. O ego quer ser o centro do universo e somente um procedimento arquetípico como a Mortificatio pode resolver isso. Esta é a Opus que o nosso espírito deve empreender. Mesmo que nosso ego não queira fazer isso. 

De vez em quando temos problemas e sofrimentos. Eles nos fazem crescer. Se os aceitarmos como parte da nossa Mortificatio sairemos mais fortes. É assim que a espada é forjada. Quando aceitamos de livre vontade a Mortificatio damos um grande passo na nossa evolução. Embora possa ser desagradável e doloroso vivenciar isso. É inerente ao processo de evolução enfrentar estas situações. Mais uma vez devemos olhar além da Mortificatio. Deve ser vista como uma semeadura que terá uma colheita farta. A semente é o símbolo da Mortificatio. O resultado da Mortificatio é a Pedra Filosofal.

O procedimento de separação do ego da Psique é também uma Mortificatio para o ego. Embora neste momento ele não tenha noção disso. Mas é o começo. Quando o ego entende isso acontece uma epifania. Não há mais dualidade nem opostos. Tudo é um só. O ego está unido ao Self. O soltar dissolve as ilusões. Na prática soltar é Moritificatio. Só que uma Mortificatio feita da forma mais elegante possível. Por isso o soltar é fundamental para a Individuação. O soltar consciente transformando a própria vida e tornando-se dono dela. Este é o começo da prosperidade infinita.

Hélio Couto
www.alquimiaconsciencial.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Videos editados I


Ninguém está autorizado a editar meus vídeos e fazer montagens, cortes, adições ou qualquer outra manipulação com as imagens das palestras.

Somente com autorização por escrito alguém pode usar minhas imagens.

Isso já foi dito na palestra passada e já postei sobre isso.

Quem está fazendo isso está prejudicando o trabalho.

Existe uma estratégia de divulgação feita por mim e que está sendo seguida à risca.

Todos os vídeos editados por outras pessoas devem ser tirados de qualquer mídia em que estiverem.

Postagens populares

Marcadores