sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Vigésimo primeiro segredo da prosperidade



Vigésimo primeiro segredo da prosperidade

Conhecimento interno

“A psique é a maior de todas as maravilhas cósmicas e o “sine qua non” do mundo como um objeto. É extremamente estranho que o homem ocidental com apenas algumas e cada vez menos exceções, de tão pouca consideração a este fato. Mergulhado no conhecimento de objetos externos, a questão de todo o conhecimento foi temporariamente eclipsada ao ponto de aparente inexistência. ” Jung 1946

“Não foi a natureza e sim o “gênio da humanidade”, que deu o nó no laço do carrasco com que ele pode executar a si mesmo a qualquer momento”. Jung 1952

“Hoje a humanidade como nunca antes está dividida em duas metades aparentemente irreconciliáveis. A regra psicológica diz que quando uma situação interior não se torna consciente ela acontece fora, como sina, quer dizer: quando o indivíduo permanece dividido e não se conscientiza de suas contradições internas o mundo tem forçosamente de representar o conflito e ser rasgado em duas metades opostas. ” Jung 1959

Será que Jung era um profeta? Será que ele via o futuro? Nas citações acima é possível perceber a capacidade do gênio. A inteligência do raciocínio abstrato aplicado a qualquer assunto ou situação. É assim que dá para prever qualquer comportamento pessoal ou de uma civilização inteira. Dá para saber exatamente o que uma pessoa fará em seguida passo a passo, o que acontecerá com uma determinada situação ou como evoluirá uma civilização. Vejam as datas em que essas frases foram escritas e vejam o que acontece hoje na humanidade, em 2016.

Quando não se deixa vir à tona uma determinada questão interna a realidade externa terá de apresentar essa mesma questão não resolvida. Uma coisa quer ser conscientizada e o ego não deixa, o que acontecerá? Esse conflito aparecerá na vida da pessoa como problemas de todos os tipos. É inevitável. Existe uma dinâmica em andamento. A energia interna tem de vir para o exterior. A repressão desta energia causara essa ruptura na psique e a vida da pessoa ou de toda uma civilização apresentará o mesmo problema.

É a mesma coisa quando se fala para soltar. Deixar vir a questão e solta-la. Desapegar-se dela. A verdade é uma só e todas as pessoas que vem explica-la durante esses milênios falaram a mesma coisa de formas diferentes. Para ver se é entendida e aceita. Basta olhar para dentro de si mesmo e perceber que conhecimento quer vir para o consciente. Ver quais as formas de fuga que estamos utilizando para não olhar para estas questões. Toda crise pessoal ou de uma civilização mostra as contradições internas não resolvidas. E a primeira coisa a ser atingida é a prosperidade. Assistam ao filme “A grande aposta” e “Margin call”. 

O comportamento mostra as crenças profundas. Essas crenças é que impedem a situação interior de se expressar. Quando uma pessoa não usou seu tempo para estudar e agora está desempregada a que conclusão se chega? Será que quando ela sentia o impulso de estudar e o reprimia não percebia que estava fugindo do seu inconsciente que queria ajuda-la? Será que não dá para perceber internamente o sentimento de que coisa deve fazer? Será que não dá para perceber a rejeição ao estudo e ao trabalho? A dinâmica psicológica é uma só para todos os seres do universo. Todos têm o impulso inato de crescer e evoluir. A fuga disto é que causa todos os problemas. A filosofia de vida mostra o futuro claramente. A realidade é um livro aberto. Qualquer um pode ler. Todo ser humano tem bilhões de neurônios. Ninguém é privilegiado. Todos temos um cérebro maravilhoso. Uma ferramenta poderosa. Que cria a realidade pessoal ou coletiva. Nós escolhemos o que fazer com todo esse poder. Nós escolhemos colocar informações nele ou não. Escolhemos ler ou não. Escolhemos estudar ou não. Escolhemos trabalhar ou não. Escolhemos como gastar nosso tempo. As consequências são inevitáveis, mas sempre é possível recomeçar.

Com paciência é possível reverter qualquer situação. Dando tempo ao tempo para que possa ser resolvida. Parar de criar mais problemas e trabalhar na solução. Todas as soluções estão à disposição internamente. Basta parar e pensar. Deixar a intuição trazer a solução. Está claro que o impulso de estudar e a resistência a isso é um conflito interno que está se externando na consciência e na vida da pessoa? Está claro que todos os problemas que existem hoje são decorrentes de uma cisão interna, um conflito interno entre o que se deve fazer e o que se quer fazer? Está claro que cada pequena escolha mostra as opções que são feitas entre o que é preciso fazer e o que o ego quer fazer?

Existe uma realidade última que se impõe de qualquer forma. O mundo não é material. O mundo é pura consciência. Pura energia. Pura luz congelada. Essa consciência universal tem sua própria dinâmica. As demais consciências são expressões dela. São individuações. Cada ser individuado tem a mesma dinâmica da consciência universal. Exatamente igual. O grau de consciência e complexidade é que variam, mas a dinâmica interna é a mesma. A consciência é una em todo o universo. E cada consciência está num estado de evolução e complexidade. Por isso que uma pessoa enxerga claramente uma situação e outra não. É por isso que um técnico de futebol enxerga os erros do time e outro não. Como também a razão de o time mudar os seus resultados com a mudança de técnico. Mudou a consciência que está dirigindo e isso muda tudo. Tanto faz se é um time de futebol ou uma civilização inteira. É a mesma coisa. Se mudar a consciência, mudar o paradigma, muda-se tudo. Resolve-se tudo.

Aqui entra outra questão. Querer analisar um fato criado por uma consciência em outro paradigma, usando um paradigma diferente é impossível. Um sistema de crenças cria uma realidade. Usar um sistema de crenças diferente para analisar ou tentar entender o outro não funciona. Somente estando no mesmo sistema de crenças é que é possível entender. É por isso que uma pessoa entende o que outra fala e outras pessoas não entendem. Estão usando formas diferentes para medir a mesma coisa e cada um tem um resultado diferente. Por esta razão é extremamente importante expandir o próprio conhecimento interno. E na questão dos sentimentos é a mesma coisa. Uma pessoa sente compaixão e outra não. Isso faz toda a diferença na vida das duas pessoas. E isso é ainda mais difícil de ser compreendido quando se está em paradigmas diferentes de sentimentos. Mas, a dinâmica aqui é a mesma. Todos podem sentir compaixão. Ela já existe no inconsciente profundo. É preciso deixar vir à tona. Então se verá o quão importante é isso para a prosperidade.

Quais as crenças que estão impedindo ou atrasando sua prosperidade?







Nenhum comentário:

Postar um comentário


Videos editados I


Ninguém está autorizado a editar meus vídeos e fazer montagens, cortes, adições ou qualquer outra manipulação com as imagens das palestras.

Somente com autorização por escrito alguém pode usar minhas imagens.

Isso já foi dito na palestra passada e já postei sobre isso.

Quem está fazendo isso está prejudicando o trabalho.

Existe uma estratégia de divulgação feita por mim e que está sendo seguida à risca.

Todos os vídeos editados por outras pessoas devem ser tirados de qualquer mídia em que estiverem.

Postagens populares

Marcadores