sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

A questão da carne



A questão da carne

Numa das palestras fizeram uma pergunta sobre comer carne.
Meu trabalho é expandir a consciência da humanidade. É fazer pensar, analisar, deduzir, etc. Com essa intenção respondi que também havia a questão da alface. Falei isso para que todos parassem para avaliar que existe consciência em tudo. Até um elétron tem consciência, mas os físicos não admitem isso. Ainda.
Sugiro a leitura do livro “A vida secreta das plantas” de Christopher Bird e Peter Tompkins, Editora Expressão e Cultura. Neste livro fica provada a consciência e sentimento que qualquer planta tem. Leitura imperdível.
Um budista quando encontra uma pedra no caminho muda a posição da pedra para que ela aprenda mais coisas. Tudo tem consciência.
Foi argumentado que a alface irá apodrecer e que portanto pode-se comer. E que há diferença entre um animal e a alface. Seguindo essa linha de raciocínio é preciso perceber que a alface quando é colhida está perfeitamente saudável. Ninguém come alface podre.
Mais uma vez fica claro que numa palestra não é possível ser irônico, fazer uma brincadeira ou deixar subentendido algo. Tudo é levado ao pé da letra ou tirado do contexto. Este trabalho tem no momento 68 dvds, vários livros e mais de 500 postagens. Sem ter analisado tudo isso é fatal que a conclusão será errada. Este trabalho ainda não terminou. Ainda faltam dezenas de dvds e livros.
Condenar todo o trabalho por causa da alface é incrível. E isso sem saberem qual é a minha resposta! Tudo que respondo é para fazer pensar. Na vida nada é branco ou preto. Existem n tons de cinza. Essa é a questão do Gato do Schrodinger. É por isso que pensar sobre a Mudança Climática é jogado para debaixo do tapete. Tem muita variável.
Assim que resolvermos essa questão da carne surgirão outras. Ou não?
E a questão dos homossexuais? E bissexuais? Vejam a vida de Alan Turing.
E a questão da raça ariana?
E a questão da eugenia? Vejam o extraordinário livro de Edwin Black, “A guerra contra os fracos”.
E a questão da reencarnação?
E a questão da Centelha Divina?
E a questão do Todo?
E a questão dos genocídios atualmente sendo executados?
E a questão da mutilação das mulheres?
E a questão econômica?
E a questão política?
E a questão dos extraterrestres?
Questões infinitas...
Primeiro vamos deixar claro o seguinte:
Tudo que diz respeito à saúde é de competência dos médicos. É uma questão entre o médico e o paciente. Ou nutricionistas e paciente.
Posto isto, minha opinião pessoal é:
Recomendo que se abstenha de comer carne.
A decisão de se alimentar de uma coisa ou outra deve ser decidida entre a pessoa e seu médico. É uma decisão pessoal do livre arbítrio da pessoa. Ninguém deve decidir nenhum assunto com base nos demais. Se um jogador de futebol come uma coisa ou outra, se um astro de cinema usa tal roupa ou não. E assim por diante. Cada um deve pensar por si e decidir.
Minhas preferências pessoais são exclusivamente minhas. Dizem respeito à minha privacidade. Ninguém deve comer, comprar, vender, votar, viajar, etc. dependendo da minha opinião. Meu trabalho é justamente o contrário. É libertar as pessoas que estão dentro da “Matrix”. Fazer com que pensem por si mesmas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Videos editados I


Ninguém está autorizado a editar meus vídeos e fazer montagens, cortes, adições ou qualquer outra manipulação com as imagens das palestras.

Somente com autorização por escrito alguém pode usar minhas imagens.

Isso já foi dito na palestra passada e já postei sobre isso.

Quem está fazendo isso está prejudicando o trabalho.

Existe uma estratégia de divulgação feita por mim e que está sendo seguida à risca.

Todos os vídeos editados por outras pessoas devem ser tirados de qualquer mídia em que estiverem.

Postagens populares

Marcadores