segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Dez dias depois de 21 de dezembro de 2012



Dez dias depois de 21 de dezembro de 2012

Vejamos alguns pontos que talvez não tenham ficado claro.
Porque depois de 10 dias ainda não é perceptível a mudança para a maioria da população? A freqüência do planeta mudou em nano-segundo no dia 21 de dezembro de 2012. Porque na vida prática isso não foi percebido?
A pessoa recebe uma informação na sua consciência, emergindo nela uma conscientização vinda do Vácuo Quântico. Isso entra na consciência através dos micro-túbulos, conforme Stuart Hameroff já explicou. E o Dr. Larry Dossey também.
Ou vem externamente através de uma onda de in-formação.
Nesta hora a pessoa tem de tomar uma decisão. Ou ela aceita ou não aceita.  Não há como evitar isso. Naquele nano segundo uma decisão crucial tem de ser tomada. Mais uma. Se a pessoa tomasse a decisão de NÃO-ACEITO ser manipulado, ser explorado, ser escravizado, prejudicar a humanidade, de fazer parte de um sistema que transforma as pessoas em robots, etc., a situação da humanidade mudaria num instante.
Quando se fala que somente pela expansão da consciência haverá a mudança é isso que se esta falando. Quando a expansão da consciência for tão avassaladora e tão insuportável que a pessoa tome a decisão de não aceitar tudo que está errado na Terra. E agir. É puro livre-arbítrio. Todos têm isso. Cada um tem de decidir. E isso é segundo após segundo. O tempo todos tem de decidir. Ou aceitamos ou não aceitamos.
A mudança seria instantânea se um número mínimo, uma massa crítica, não aceitasse a manipulação. Se esse número mínimo estudasse, lesse, tivesse curiosidade de entender como é a realidade, como funciona o universo e como a vida na Terra está programada.
Porque ter expansão de consciência é isso que significa. É entender como funciona tudo e agir de acordo com essa nova consciência em expansão. A partir do momento que entendeu que está vivendo num sistema de mentira é preciso agir de acordo com isso. Não é possível virar a face para outro lado e fingir que não vê. Isso criará somatizações, doenças, problemas mentais e emocionais, problemas financeiros, etc..
Na última palestra ficou claro que não adianta falar em conceitos. É preciso dar exemplos. Portanto vejamos mais alguns.
Quando um vendedor de carros numa concessionária, vendo que um possível cliente não tem condições de crédito ou renda para comprar um carro e mesmo assim vende o carro. Com o artifício de alterar sua renda no comprovante de pagamento do salário (Hollerith). através de escanear o documento, alterar o salário e imprimir novos comprovantes, que são enviados para o departamento de crédito da concessionária que aprova o crédito. Este vendedor fez isso conscientemente. Ele sabe que o cliente não pode comprar o carro e mesmo assim o vendeu. Ele teve uma conscientização na hora para que não vendesse, para que NÃO-ACEITASSE a venda. Ele teria de dizer isso claramente para o cliente. Não é possível vender o carro porque você não tem condições de comprá-lo. Caso o gerente o obrigasse a fazê-lo ele deveria se recusar, não aceitar a imposição do gerente. Caso o gerente o ameaçasse com demissão ele deveria ficar firme e dizer: “o problema é seu. Eu não venderei para quem não tem condições de comprar.”. E assumir as conseqüências do seu ato. Agir de acordo com sua conscência.
A mudança nesse planeta não acontecerá sem se pagar o preço desta mudança. Alguns terão de pagar um alto preço para que um dia este seja um planeta de paz, harmonia, fraternidade e prosperidade.
Bastaria um número mínimo de pessoas fazer isso e a mudança aconteceria em dias. Já estamos a dez dias e a humanidade ainda se arrasta, resistindo à mudança. Repito: a Realidade do planeta já mudou, a freqüência já mudou, mas a resistência continua.
Outro caso. Um gerente de banco que financia uma hipoteca para um cliente sem renda suficiente ou condições de crédito minimamente aceitáveis. O sub-prime americano, por exemplo. O gerente sabe que aquela pessoa não tem como comprar o imóvel e paga-lo. Deve recusar financiá-lo. Se a maioria tivesse feito isso o mundo não estaria mergulhado nessa crise e o despejo dos moradores gerasse tantos suicídios como tem acontecido na Espanha, por exemplo. Ou que as crianças na Grécia estivessem apresentando doenças decorrentes de sub-nutrição. No ano da graça de 2012.
Um imigrante chegado na Espanha a um mês, sem parentes no país, compra um apartamento. Um amigo seu na mesma situação também compra um apartamento. Nenhum dos dois tem como dar garantias para o banco. O que faz o gerente? Um afiança para o outro a compra! Fiadores cruzados! Estão a um mês como imigrantes, não conhecem ninguém no país, não tem parente no país e compram dois apartamentos! Um afiançando o outro!
Uma construtora compra um terreno de 1 milhão de euros e lança no ativo no valor de 170 milhões de euros. Com este balanço atualizado vai ao banco e consegue mais empréstimos. Depois de um tempo essa construtora faliu. Isso só foi descoberto pelos auditores da massa falida. Como isso passou pelo gerente que aprovou mais um crédito?
E quando esse banco está falido ele é recapitalizado com um empréstimo que o governo toma e salva o banco. A dívida fica para o Tesouro Nacional. O povo. Todos ganham bônus no final do ano.
Querem que continue ad-infinitum com histórias assim? Precisa mais?
Tem outra coisa que precisa ser dita hoje. A questão da Teologia e da Física. Esses dois campos continuam separados porque as pessoas querem manter o status quo, a situação do mundo do jeito que está. Todas as descobertas da Mecânica Quântica revolucionaram a sociedade depois de 1920. Noventa por cento da nossa sociedade é baseada na Mecânica Quântica e um terço da economia depende de suas descobertas. Isto é, o mundo pararia e voltaria à Idade da Pedra se tirássemos a Mecânica Quântica da nossa vida social e econômica. E no resto das ciências porque isso não acontece? E na Teologia? Não há mudança alguma porque as pessoas continuam aceitando um paradigma que já não existe mais a muito tempo. Ou elas acham que seu celular não tem nada a ver com Teologia? O celular só funciona porque está baseado em leis que derivam da Realidade Última. Ele funciona porque está baseado na Verdade. Ou é ou não é. Ou funciona ou não funciona. Não tem interpretação. Um celular não depende do dono interpretar a eletrônica de um jeito ou de outro. Ele funciona para todas as pessoas porque está fundamentado em leis reais. É assim que o universo é. Do jeito que o celular funciona. Isso deveria fazer todo mundo pensar e repensar tudo que existe neste planeta. Mas, as pessoas aceitam ter um celular baseado na verdade e viver o resto de suas vidas sem questionar o resto. E ai o que acontece? Não tem resultados. Não tem casa/carro/apartamento/fazenda/namorado/saúde/paz/felicidade. Se a pessoa analisasse sua realidade pelos resultados que obtém teria de mudar de visão de mundo e agir em função disto. É por essa razão que a Física é a mãe de todas as ciências. Porque ela está baseada na realidade. Não é interpretativa. Se um físico que trabalha em laboratórios industriais produzindo produtos como celulares, não acreditasse no experimento da dupla fenda ou quisesse interpretá-lo de outra forma, o celular não funcionaria. É porque ele segue as regras, as leis, a matemática, que o celular funciona. É por isso que o celular funciona e toda a parafernália eletrônica desta sociedade. O que falta para a Física é aceitar o significado do experimento. Mas, isso levaria a Espiritualidade para dentro da Física. E vice-versa. E neste caso a resistência é feroz dos dois lados.
E as demais ciências? Bom, ai já temos N interpretações e filosofias. E o resultado? O caos em que se vive neste planeta. Onde mais de um bilhão de pessoas vivem com 1 dólar por dia! Quantos passam fome? Quantos estão doentes? Quantos estão abandonados na rua? Quantos desempregados? Quantos suicídios? Quantos drogados? Quantos assassinados? Quantos sacrifícios humanos? Quanta exploração? Quanta manipulação? Esse é o resultado de não se viver baseado na Realidade Última. Esse é o resultado de viver com interpretações sobre como é a realidade. De viver baseado nas “Máscaras de Deus” (Joseph Campbell) e aceitar como verdade essas máscaras. Quando uma minoria não aceitar viver baseado em máscaras de Deus e aceitar a Realidade Última como Ela É e agir em conformidade com isso, o planeta mudará em segundos.
Toda a Teologia mudaria se as descobertas da Física fossem levadas à sério. Enquanto não houver essa integração da Teologia com a Física, continuaremos com o sofrimento sem necessidade que temos no planeta. Espiritualidade e Física são a mesma coisa. Esse é o passo que tem de ser dado a seguir, mas a resistência é feroz. É o mesmo problema dos gerentes de banco citados acima ou dos vendedores de carros citados acima. Cada um fica dentro da sua área e ignora o resto. Uma área da ciência não conversa com a outra. Não há interdisciplinariedade. Típico do cérebro reptiliano (Complexo-R). E assim não é preciso checar os dados de uma ciência em relação à outra. E tudo continua igual.
Porém, tem uma pergunta que não quer calar. E os resultados? Os celulares funcionam. E o resto? Este planeta mudará, mas a que preço? Para que tanto sofrimento desnecessário? Para que tanta resistência? A mudança é inevitável. Resistir é inútil. É sofrimento sem sentido, sem necessidade, sem carma, sem ganho. É pura decisão agora de não tomar a decisão de aceitar a Realidade Última.
Quando os humanos não aceitarem mais a manipulação, este planeta será feliz.
Feliz 2013!

Direitos Autorais:
Copyright © Hélio Couto. Todos os direitos reservados.
Você pode copiar e redistribuir este material contanto que não o altere de nenhuma forma, que o conteúdo permaneça completo e inclua esta nota de direito e o link: www.heliocouto.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Videos editados I


Ninguém está autorizado a editar meus vídeos e fazer montagens, cortes, adições ou qualquer outra manipulação com as imagens das palestras.

Somente com autorização por escrito alguém pode usar minhas imagens.

Isso já foi dito na palestra passada e já postei sobre isso.

Quem está fazendo isso está prejudicando o trabalho.

Existe uma estratégia de divulgação feita por mim e que está sendo seguida à risca.

Todos os vídeos editados por outras pessoas devem ser tirados de qualquer mídia em que estiverem.

Postagens populares

Marcadores