terça-feira, 23 de outubro de 2012

Meta Humano



Meta Humano

As estórias de super heróis sempre vendem bem. Todo filme sobre super herói é um sucesso. Livros, quadrinhos, etc.. Isso dá uma idéia de que as pessoas gostam da idéia ou que gostariam de ser super herói. Pois é uma projeção. O que elas não conseguem fazer na vida comum, conseguem na tela do cinema ou nos livros. Fica-se com a impressão de que se fosse possível adquirir essas habilidades todos quereriam.
Será?
Um super herói está longe das pessoas normais. Ele desbrava novos mundos, novas fronteiras, onde ninguém ainda foi. Como diz a abertura de Star Trek. Já pensaram que só existe uma Enterprise? As pessoas dispostas a abrir fronteiras são poucas. É por isso que em toda a Federação só existe uma nave para explorar o desconhecido.
Meta Humano é ser além do humano. É um nível acima do normal. É ter capacidades nunca antes usadas e potencializadas sem limites. É um salto acima na evolução da espécie.
Como se chega nisso? Com informação. Todo o ser humano é pura informação. Seu DNA é um código. Neste código está toda a informação para se criar aquele ser humano. Mexendo-se neste código mexe-se em qualquer característica daquela pessoa. Já se fala em teste genético para determinar se a pessoa pode ter essa profissão ou aquela. Pode-se entrar nesse emprego ou não. Pois já se sabe se tem propensão para uma doença ou outra. Teoricamente sua vida está determinada pelos seus gens. É nisso que a ciência acredita.
A consciência também é pura informação. Nisso a ciência ainda não chegou.
Se houvesse uma forma de transferir qualquer informação para uma pessoa e essa informação potencializasse qualquer habilidade, será que as pessoas quereriam?
Será que as pessoas querem a consciência de um super herói?
Será que as pessoas querem a habilidade de um Arquétipo?
Será que as pessoas querem fazer a diferença?
Será que querem transcender seus empregos?
Será que as pessoas querem transcender o paradigma vigente?
Será que querem livrar-se da lavagem cerebral que sofreram?
Ou será que não acreditam que sofreram essa lavagem cerebral?
Ou será que não sabem o que é lavagem cerebral?
Será que as pessoas enxergam a Matrix onde vivem?
Será que as pessoas percebem que a Matrix impede que elas troquem de classe social?
Será que as pessoas já tentaram mudar de classe social?
Ou será que isso não tem importância? Pobre nasce pobre e morre pobre. Classe média nasce classe média e morre classe média. Ricos nascem ricos e morrem mais ricos ainda. Será que viver em condições sub-humanas é ruim? Será que as pessoas querem melhorar e mudar de vida? Será que querem ganhar mais? Será que estão dispostas a fazer o necessário para ganhar mais? Será que elas estão dispostas a lutar por um futuro melhor para seus filhos e netos? Será que querem resolver os problemas em que estão atolados até o pescoço?
Quando as pessoas evitam falar algo que pode ser julgado estranho pelos demais, as dúvidas acima surgem. E estamos falando de falar. Imagine fazer.
A zona de conforto é um lugar onde não existem problemas. Pelo menos é isso que as pessoas pensam.  Até que descobrem que é o lugar mais desconfortável que existe.
Para se tornar Meta Humano é preciso despir a pele que tem e vestir outra. Todo super herói tem uma roupa especial, só dele. É preciso trocar de consciência. Implementar nova consciência. Expandir a que tem. Incorporar novas consciências. Mudar seu DNA. Adquirir habilidades que os humanos de hoje não tem. Transcender os limites todos os dias.
Isso tudo é possível agregando-se informação ao ser humano. Para isso basta que ele decida jogar fora toda a informação lixo que tem dentro de si. E substituí-la por uma nova informação. Esse é o único requisito. Jogar fora o lixo que tem dentro de si.

2 comentários:

Carlos Rossette disse...

Para o alto e avante! Pelos poderes da Ressonância Harmônica! Eu tenho a força! Sigam-me os bons...

Anônimo disse...

A ferramenta Ressonância Harmônica possibilita o crescimento infinito, mas como tudo depende de nossas das escolhas..Abraço. Ivani

Postar um comentário


Videos editados I


Ninguém está autorizado a editar meus vídeos e fazer montagens, cortes, adições ou qualquer outra manipulação com as imagens das palestras.

Somente com autorização por escrito alguém pode usar minhas imagens.

Isso já foi dito na palestra passada e já postei sobre isso.

Quem está fazendo isso está prejudicando o trabalho.

Existe uma estratégia de divulgação feita por mim e que está sendo seguida à risca.

Todos os vídeos editados por outras pessoas devem ser tirados de qualquer mídia em que estiverem.

Postagens populares

Marcadores