quarta-feira, 25 de julho de 2012

Auto-sabotagem X


Auto-sabotagem X

Freud fez uma ciência materialista. Tudo se resume a impulsos biológicos. Não queria “mergulhar na lama do misticismo”. Nem aceitava o monoteísmo.
A Física tornou-se uma ciência materialista/reducionista.
A medicina tornou-se bio/molecular.
Descartes conseguiu separar a ciência da espiritualidade.
Na economia o mercado tornou-se tudo.
A religião queimou os que pensavam e hoje em dia enterra um punhal no peito.
A política tornou-se a lei do mais forte.
O resultado é o mundo que temos hoje.

Toda vez que, seja por que método for, há uma evolução real como possibilidade para o ser humano, o ego cria todo tipo de resistência para abafar e destruir essa evolução.
Tornar-se tudo que se pode ser foi o objetivo de Jung. Não apenas curar uma doença ou neurose, mas chegar ao destino de explorar todo o potencial humano.
Hoje esta capacidade está pouco aquém da consciência animal de um chimpanzé. Qual o grau de consciência da humanidade de hoje? O que ela enxerga que é a realidade?
Se um chimpanzé tivesse um pouco mais de consciência, se fosse “autoconsciente”, funcional e operacional nesta sociedade dos humanos de hoje, ninguém notaria diferença. Bastaria mudar a carcaça de um macaco para o de um humano. Uma diferença mínima no seu DNA faz isso. Teríamos a aparência de um ser humano, mas por dentro ele continuaria sendo um chimpanzé. Só que ninguém notaria. E ele continuaria fazendo todas as crueldades de que um chimpanzé é capaz de fazer com os outros da mesma espécie. E seria chamado de humano. Essa é a realidade de hoje. Milhões de anos de evolução segundo a ciência.
É claro que uma gorila como Koko seria ignorada num planeta como este. Como admitir que um gorila tenha o grau de consciência dela? Não pensem que tudo foi divulgado sobre quem era Koko. Seria insuportável para os humanos descobrir que um gorila tinha mais consciência do que a maioria dos humanos. E pior, que a consciência não é exclusiva dos humanos. Gozado, se os neurologistas acham que a consciência é um epifenômeno do cérebro material, porque Koko não poderia ter consciência? O que falta para ela? Um mínimo percentual de DNA para ter um cérebro humano?

Hoje em dia com a Ressonância Harmônica pode-se enviar a informação para qualquer pessoa que deseje crescer e evoluir. É o que faz a maioria quando recebe a Luz da Informação? Paralisa a sua entrada nos neurônios. Uns mais outros menos. E alguns totalmente. O ego emite uma energia contrária que impede a passagem da energia/informação pelos microtúbulos nas sinapses. Desta forma o cérebro torna-se impermeável a uma nova informação e um novo paradigma.
É claro que o Universo tem outros meios de implementar a evolução. A Teoria do Caos provê esses meios, por exemplo.
Sempre que se está para dar um salto evolutivo, tudo que é possível para impedir e atrapalhar é criado pelo ego. Doenças, acidentes, demissões, crimes, viagens, divertimentos, etc. Tudo é motivo para atrasar a evolução. O ego não quer perder a ilusão da separabilidade. A ilusão de que só existe a matéria. A ilusão de que ele é todo-poderoso e separado de todos no universo. Até o ponto de julgar que está só no Universo!
E a pessoa não sabe que crenças estão criando a sua realidade!  Mas é claro, se só existe a matéria não pode existir a consciência e portanto não pode haver o colapso da função de onda. Não podem admitir que a consciência crie a realidade. Não podem admitir que criam exatamente o que estão vivendo. O que se pensa realmente sobre dinheiro? O que se sente realmente sobre dinheiro? Consegue sentir isso? É esse sentimento que cria a prosperidade. Carência ou abundância. Seu sentimento cria isso. E tudo o mais.

Direitos Autorais:
Copyright © Hélio Couto. Todos os direitos reservados.
Você pode copiar e redistribuir este material contanto que não o altere de nenhuma forma, que o conteúdo permaneça completo e inclua esta nota de direito e o link: www.heliocouto.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Videos editados I


Ninguém está autorizado a editar meus vídeos e fazer montagens, cortes, adições ou qualquer outra manipulação com as imagens das palestras.

Somente com autorização por escrito alguém pode usar minhas imagens.

Isso já foi dito na palestra passada e já postei sobre isso.

Quem está fazendo isso está prejudicando o trabalho.

Existe uma estratégia de divulgação feita por mim e que está sendo seguida à risca.

Todos os vídeos editados por outras pessoas devem ser tirados de qualquer mídia em que estiverem.

Postagens populares

Marcadores