quinta-feira, 26 de abril de 2012

O som do GPS


O som do GPS

É interessante a reação das pessoas quando digo que é para tocar o cd com volume zero (sem som) e que não precisa ficar perto do aparelho.  Todo mundo estranha isso.
Porque não estranham o funcionamento do GPS que tem no carro? Alguém já escutou a som das ondas eletromagnéticas chegando ao carro? Já escutaram o som do satélite que está a 300 km de altitude? O carro precisa ficar perto do satélite?
Então, por que com relação ao cd reagem desta forma?
Todo mundo usa toda a parafernália eletrônica sem questionar nada, mas o cd tem de ser questionado. Não é interessante?
Outra coisa; não vêem o DVD que explica a Ressonância, nem lêem o livro, e ai questionam se o método funciona. Porque não se informam antes sobre o método?
As reações viscerais contra a Ressonância são de pessoas que usam celulares e tudo o mais. Qual é o problema? É não aceitar a realidade como ela é. Como dizia Joseph Campbell: “a vida como ela é”.
Será que essas pessoas não entendem a Dupla Fenda? Ainda mais agora que tem um filme mostrando as interferências construtivas ao vivo e em tempo real. Se uma criança de 10 anos entende, como um adulto não entende? Simplesmente não aceita. É uma posição dogmática, religiosa. Não há outra explicação. Não é uma reação racional, é emocional. É não aceito!
Como ficarão com o passar dos anos? Cada vez mais a Mecânica Quântica fará parte da vida das pessoas. Alguém imaginava pouco tempo atrás que IPads seriam populares? Que até mendigo teria celulares? E quando saírem desta vida, acordando do outro lado e virem que lá tem Mecânica Quântica muito mais avançada que aqui? Do outro lado existem aparelhos que parecem ficção científica para os que estão aqui.
E quando chegar o ano 2215 e for tratado com medicina quântica?
E quando forem a um planeta em que todos usam Ressonância Harmônica?
Como continuarão negando e não aceitando?

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Videos editados I


Ninguém está autorizado a editar meus vídeos e fazer montagens, cortes, adições ou qualquer outra manipulação com as imagens das palestras.

Somente com autorização por escrito alguém pode usar minhas imagens.

Isso já foi dito na palestra passada e já postei sobre isso.

Quem está fazendo isso está prejudicando o trabalho.

Existe uma estratégia de divulgação feita por mim e que está sendo seguida à risca.

Todos os vídeos editados por outras pessoas devem ser tirados de qualquer mídia em que estiverem.

Postagens populares

Marcadores