segunda-feira, 5 de março de 2012

A Verdade e a Liberdade do Lírio


A Verdade e a Liberdade do Lírio

O trabalho iniciado ontem e que será completado no dia 22 de abril é uma ação em prol da cura e prevenção de todas as violências sexuais contra as mulheres e crianças.
Falar sobre o assunto se fala no mundo todo. Livros e mais livros sobre o tema. Estudos das Nações Unidas e etc. Agora, fazer algo é outra história. Isso é o que estamos fazendo. Uma atitude prática e eficiente para resolver o problema a nível global.
Este trabalho emitirá uma freqüência de cura dos traumas que solucionará de vez esse problema.
A Mandala divulgada ontem emite esta freqüência. No dia 22 de abril ela será distribuída a todos que vieram na palestra. Todos que meditarem com a Mandala receberão a cura desses traumas se quiserem. Como sempre é o livre-arbítrio da pessoa que decide, se ela quer se desenvolver ou não. Quer-se, sofrer ou não. As opções estão sempre em aberto. O ego pode paralisar o trabalho de tão forte que é.
Como sempre uma ferramenta de nível superior em termos de paradigma científico causa polêmica. Esta não será exceção. Para entender esse trabalho é preciso dar um salto de paradigma. Como sempre é preciso dar saltos para entender. Da mesma naneira que é preciso dar um salto de paradigma para entender a Ressonância Harmônica, será necessário dar outro salto para entender a Mandala.
Este trabalho sempre foi uma comunicação espiritual. Quem enxergou isso?
Sempre foi uma canalização. Quem enxergou isso?
Este trabalho deve continuar após o Hélio partir. É preciso que pelo menos uma pessoa continue o trabalho.
Quem enxerga o alcance deste trabalho?
Quem vê neste trabalho mais do que comprar casa/carro/apartamento?
Quantas pessoas estão dispostas a receberem ataques espirituais sem cessar, por fazer um trabalho espiritual?
Sabem que o Buda conseguiu uma pessoa para passar!
Um trabalho desta magnitude não pode ser perdido e esquecido. Mesmo que as pessoas hoje não entendam o trabalho, nem sua importância, nem sua magnitude, nem seu alcance, nem seu objetivo.
Este trabalho mudará o paradigma terrestre atual. Quer as pessoas queiram ou não. Quer aceitem ou não.
É preciso enxergar além do primeiro nível de significado do trabalho. Que é visto como conseguir casa/carro/apartamento.
Isso exige um longo caminho de conscientização. De expansão da consciência. Como sempre, existem os que não aceitam a realidade do universo.
É preciso estudar, ler, pesquisar, analisar, intuir, abrir a mente, deixar os preconceitos de lado, soltar tudo que se acredita pelo caminho, para se chegar ao novo paradigma.
Foi isso que o Hélio fez ao longo de muitos anos. Sendo criticado por todos. Trilhando o caminho sozinho. Deixando tudo e todos pelo caminho que ele acredita. Isso continua até hoje. E cada vez o preço é maior. Porque o alcance do trabalho é cada vez maior. Neste trabalho ou se esquece do próprio ego ou não se faz o trabalho. Ou se vive para conscientizar a humanidade ou se vive para si mesmo. Não há meio termo. Ou a pessoa se dá inteira ao trabalho ou não tem forma de fazê-lo. Pois o custo é a própria vida da pessoa. Embora a maioria ignore o trabalho e até as pessoas que conhecem o trabalho ignorem a importância dele e não comentam com ninguém. Fazem de conta que o trabalho não existe. Fazem de conta que não é uma canalização. Fazem de conta que ontem não aconteceram várias canalizações simultâneas. Que vários espíritos do mais alto nível vieram dar suas mensagens. Que milhares de pessoas ontem foram resgatadas de um sofrimento atroz durante a palestra. Agem como se nada tivesse acontecido.
Sempre foi assim, mas a evolução não pode ser detida.
Nós estamos aqui outra vez!

3 comentários:

Carlos Rossette Baptista Filho disse...

Ontem quando foi projetada a Mandala eu senti que ela emanava algo que chegava em mim e provocava uma sensação agradável.

Anônimo disse...

Foi um prazer estar na palestra, mais informações e conhecimento que não tem preço, comentei sobre a Mandala com algumas pessoas e o olhar realmente é de dúvida, como a Ressonância e As Chaves de Nefertiti, também. Mas acredito os resultados virão e quem tinha dúvidas acabará aceitando, é tempo.Alma

ana paula disse...

Para mim este trabalho é de reequilíbrio. Quando equilibramos nosso metabolismo e nossos pensamentos, serenamos nossa mente e conseguimos escutar melhor nosso coração. Deixando fluir a gratidão e o amor, encontramos a felicidade.
Professor Hélio, se quiser eu posso imprimir algumas mandalas gratuitamente para quem não puder pagar...se é que será vendida, de qualquer forma quero ajudar. Quanto aos ataques dos nossos irmãos menos evoluídos, sei que é duro, mas o amor e a paciência fazem a proteção ser cada vez maior. Fica com Deus Hélio!

Postar um comentário


Videos editados I


Ninguém está autorizado a editar meus vídeos e fazer montagens, cortes, adições ou qualquer outra manipulação com as imagens das palestras.

Somente com autorização por escrito alguém pode usar minhas imagens.

Isso já foi dito na palestra passada e já postei sobre isso.

Quem está fazendo isso está prejudicando o trabalho.

Existe uma estratégia de divulgação feita por mim e que está sendo seguida à risca.

Todos os vídeos editados por outras pessoas devem ser tirados de qualquer mídia em que estiverem.

Postagens populares

Marcadores