segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

2012 Finalmente


2012 Finalmente

Finalmente o ano de 2012 terá seu começo para nós brasileiros. Acaba o Carnaval.
Não existe mais o formigueiro. As formigas correm de um lado para outro tentando achá-lo, mas ele não existe mais. Isso ficará mais claro a cada dia que passar.
Ouço o casal vizinho brigar e discutir. Todos os problemas jogados para “debaixo do tapete” virão à tona. A catarse ocorrerá de um jeito ou de outro. As questões terão de ser resolvidas.
A sociedade mudará. A humanidade mudará. Os partidos políticos mudarão. As religiões mudarão. Os negócios mudarão. As finanças mudarão. Os homens mudarão.
Como diz a música do Milton Nascimento: “Nada será como antes”.

O abuso contra as mulheres e crianças acabará. O trabalho para isso parar começa agora. Todos serão convocados a tomar partido. Não haverá muro para ficar em cima. Todos os traumas sexuais aparecerão com toda a força para serem curados. Quem não quiser, aprofundará mais ainda esses traumas e sofrerá conseqüências maiores.
A violência contra as mulheres e as crianças neste planeta é indizível. É horripilante. E acontecem todos os dias, minuto a minuto. Neste mesmo minuto que estou escrevendo, mais de 4 crianças foram brutalizadas de uma maneira pavorosa. E existem outras crianças sendo torturadas agora. A cada minuto mais 4 crianças. São 6 mil por dia! E isto só de um tipo de tortura! Esse trauma dura pela eternidade se não for curado depois que forem para o lado espiritual. E lá continuam sofrendo, enlouquecidas e querendo morrer. Mas, não podem morrer porque a morte não existe. Quando descobrem isso ficam mais dementes ainda por desespero. Uma tortura sem fim. Insuportável. Só o Amor Divino pode aliviar o sofrimento delas e mesmo isso leva tempo tal o dano causado no corpo e psiquismo delas. Um trauma emocional só pode ser curado no corpo emocional. Um trauma físico só pode ser curado no físico. Por isso terapias que só atuam no mental não resolvem. Violências como colocar ácido no útero da mulher continuam na próxima encarnação como câncer. E a medicina não tem nem a menor idéia da causa daquele câncer.
As pessoas pensam que tudo acaba com a morte ou que vão para o descanso eterno. Nada acaba com a morte nem existe descanso eterno. O problema continua igual ao que estava quando a pessoa morre. É um continuum espaço/temporal. A maioria absoluta da humanidade não aceita isso. Não quer enxergar. Não quer sair da zona de conforto. É melhor olhar para o outro lado. É problema dos outros. É problema dos africanos, dos nordestinos, dos asiáticos, etc.
Esse tipo de atitude não continuará. Enquanto houver um (1) ser humano, que não se importe com o sofrimento dos seus irmãos, o parafuso será apertado sem parar. Os problemas aumentarão sem parar. Problemas nas famílias, nos negócios, nos empregos, na saúde, nos relacionamentos, etc. Em todas as áreas os problemas sairão do armário do inconsciente humano.
Lembrem-se de que existe uma Hierarquia no Universo. O livre-arbítrio humano é relativo. Vai até onde se começa a prejudicar o outro. A violência coletiva terá de ser extirpada coletivamente. Depende dos humanos a cura ser menos dolorosa.
Estamos observando. E vamos atuar.

Direitos Autorais:
Copyright © Hélio Couto. Todos os direitos reservados.
Você pode copiar e redistribuir este material contanto que não o altere de nenhuma forma, que o conteúdo permaneça completo e inclua esta nota de direito e o link: www.heliocouto.com

Um comentário:

ana paula disse...

...Só o Amor Divino pode aliviar o sofrimento delas...e não podemos esquecer da parte de amor divino que há dentro de nós, pois se o mal está na terra e nós também estamos aqui, agora é para ajudar, começando por sermos amorosos com nossos familiares, subordinados e conhecidos. Interessando-se em ajudar os outros e transformando nossa agressividade em força vitoriosa para vencer o mal da melhor forma que existe, transformando-o no Bem. Todos temos dois lados, um bom e um ruim, ao alertar uma pessoa sempre devemos começar pelo que há de bom, ressaltando seus talentos, mas meu Pai do Céu....o que falar para um pai ensandecido que mata, estrupa....este ser tem que ser isolado e tratado mentalmente, fisicamente e espiritualmente para não fazer mais atrocidades. Fazer isto por este ser é uma benção para não prejudicar ainda mais seu carma. Pai me ensina a ajudar as pessoas sem julgar.

Postar um comentário


Videos editados I


Ninguém está autorizado a editar meus vídeos e fazer montagens, cortes, adições ou qualquer outra manipulação com as imagens das palestras.

Somente com autorização por escrito alguém pode usar minhas imagens.

Isso já foi dito na palestra passada e já postei sobre isso.

Quem está fazendo isso está prejudicando o trabalho.

Existe uma estratégia de divulgação feita por mim e que está sendo seguida à risca.

Todos os vídeos editados por outras pessoas devem ser tirados de qualquer mídia em que estiverem.

Postagens populares

Marcadores